O método KonMari para organizar sua vida | Resenha

by - 13:51

https://goo.gl/FVbhKd

Título: A Mágica da Arrumação
Autora: Marie Kondo
Editora: Sextante
Páginas: 109

“A Mágica da Arrumação” é um livro que há muito tempo eu queria, mas não queria comprar. Aquela história: tu fica pensando em tudo que poderia comprar com o dinheiro que compraria o livro, não compra o livro e não compra as outras coisas nas quais estava pensando.

Comprei.

E me arrependi muito de não ter comprado antes! A Marie Kondo é uma japonesa que criou um método de organização que promete mudar a vida das pessoas. No começo pensei “É, o método pode até não funcionar, mas é cada frase foda que ela escreve! Parece que está falando de mim”. Aliás, vê se você se identifica nisso aqui:

“Você começa o dia no maior pique para iniciar a arrumação, mas antes que se dê conta o sol está se pondo e você só mexeu em uma pequena parte das coisas. E o que tem nas mãos nesse momento? Provavelmente uma velha revista em quadrinhos que você adorava, um álbum de fotografias ou alguma outra coisa que desperte boas recordações.”

Se você também é essa pessoa, saiba que segundo a Marie, você tem cura – e eu também. Resumindo bem porcamente, o livro te traz uma ordem para arrumar as suas coisas e a orientação de que faça a organização toda de uma vez. Eu já li em outros lugares que o método KonMari é chamado aqui no Brasil de destralhar. Um nome bem sugestivo, diga-se de passagem. Outra coisa bacana é que o livro traz a ideia de que se você conseguir arrumar tudo, a sensação boa vai te ajudar a conseguir manter tudo em ordem.
Parece milagroso, mas eu realmente acredito que se você se determinar a fazer tal coisa, você consegue sim.

Cada parágrafo é um tapa na cara, viu. Haha Eu gosto de coisas arrumadas e vivo querendo meter o bedelho nas coisas alheias do povo aqui de casa e arrumá-las do meu jeito – e jogar fora tudo que acho inútil :3 Logo de cara, ela toca no assunto e desaconselha, e fala sobre a importância de respeitar o espaço do outro. Depois de morrer de vergonha de mim, ressuscitei e continuei lendo.

Quando eu arrumava as minhas coisas eu sempre pensava em uma forma de tudo ficar fácil de pegar. Parece bastante óbvio e sempre fez sentido para mim. E aí o que a Marie diz?

“A origem da bagunça é a incapacidade de recolocar as coisas em seus devidos lugares, portanto a organização deve simplificar o ato de guardá-las e não de pegá-las.”

Faz todo o sentido do mundo. Eu tento aplicar o método KonMari na minha vida, mas na minha casa tenho sempre terceiros mexendo nas minhas coisas. Lembra daquela história de respeitar o espaço alheio? Então, né família.

Ah, e aquela sensação da qual ela falou, de quando terminamos a arrumação, existe sim, e é muito boa! A minha próxima meta, é claro, é o livro 2: Isso me traz alegria. Baixei e li, mas nada substitui comprar o livro.

E se você também leu esse livro, deixe aqui a sua opinião! 



You May Also Like

0 comentários